Há 17 dias, Doria disse que não aumentaria restrições na quarentena depois das eleições

Tempo de leitura: 1 min

Escrito por Mariana W. Heike Tru
em novembro 30, 2020

Há 17 dias, o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), disse que não ia aumentar as restrições da quarentena, para combater a covid-19, logo depois das eleições. Ele publicou um vídeo nas redes sociais para dizer que isso era "fake news". Mas hoje, um dia depois da reeleição do prefeito da capital e aliado, Bruno Covas (PSDB), Doria anunciou o endurecimento de algumas medidas. A administração estadual, de fato, não fechou o comércio, mas aplicou normas mais restritivas em todo o estado.

————————-
Bem-vindo ao canal do UOL no YouTube. Aqui você encontra notícias direto da redação, tudo sobre política, matérias especiais e o melhor do mundo do entretenimento.

** INSCREVA-SE NO CANAL: http://bit.ly/2xolCQ2

Outros artigos de interesse

Junte-se à nossa lista de subscritores

Entre para a nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade